Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Relva úmida

Relva úmida

O orvalho deixará a relva úmida e fria.
No frescor da noite repousarás teu corpo.
O orvalho por certo, teu corpo cobrirá.
Na madrugada fria eu serei, teu conforto.

Não ficarás sozinha na relva úmida e fria
No abrigo do meu corpo encontras calor
Não creio que o orvalho, esfrie teu corpo.
Mas se acontecer, eu serei teu cobertor.

Quero sentir no teu corpo cheiro de relva.
No teu beijo, a umidade dos teus lábios,
Sufocar nossa paixão sobre a relva úmida.

Deixar, que a Aurora venha nos acordar.
No frescor do amanhecer sentir o perfume.
- De relva úmida, exalando do teu corpo!

Volnei Rijo Braga
Pelotas: 13/11/2015
Volnei Rijo Braga
Enviado por Volnei Rijo Braga em 13/11/2015
Código do texto: T5447335
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
Volnei Rijo Braga
Pelotas - Rio Grande do Sul - Brasil, 74 anos
2317 textos (155553 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 26/09/21 19:33)
Volnei Rijo Braga