Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Vinte anos

Vinte anos

Toda tarde ela vinha e sentava a meu lado
Naquele velho banco da antiga pracinha
Aonde nós brincávamos quando criança
Quantos olhares inocentes a gente trocava

Alguns garotos que ali também brincavam
Faziam piadas e diziam eles estão namorando
Eu sabia que tudo aquilo era só brincadeira
Que crianças na nossa idade, não namoravam.

Por anos a gente continuou se encontrando,
Mas uma tarde ela não veio eu me senti triste.
Eu não sabia por que, de repente eu senti dor.

Uma dor estranha, que invadia meu coração.
Senti saudade, era meu primeiro dia sem ela.
Vinte anos se foram, vinte anos sem seu amor!
.
Volnei Rijo Braga
Pelotas: 22/11/2015
Volnei Rijo Braga
Enviado por Volnei Rijo Braga em 23/11/2015
Código do texto: T5458430
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
Volnei Rijo Braga
Pelotas - Rio Grande do Sul - Brasil, 74 anos
2317 textos (155553 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 26/09/21 18:16)
Volnei Rijo Braga