Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
Imagem relacionada


 Meu  Amado


 
Sempre desejei você nos meus braços,
Mas,  eu  não te conhecia – era anseio,
Em  noites de lua, desenhei teus traços,
Confesso, te amei nos meus devaneios.
 
Vivendo dias árduos,  como que de aços,
Sem  você até chorei, arfando meus seios.
Não te esquecia, mesmo  com os cansaços,
Eu te esboçava   nos meus doces enleios.
 
Diante do espelho só via minha formosura,
E pensava, hei de te encontrar, meu amado,
Debaixo desse céu, sei  você existe criatura .
 
Um dia belo, você veio todo perfumado.
Hoje dançamos e você segura  minha cintura,
Olha nos meus olhos e diz, sou o teu amado.


Rosa Ambiance



images?q=tbn:ANd9GcR7KmtAg2dbedH6UCD_qoa4hgOWRv-YpXx0RWE158DcdSVpMaK2pQ

 
RosaAmbiance
Enviado por RosaAmbiance em 29/08/2017
Reeditado em 30/08/2017
Código do texto: T6098476
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre a autora
RosaAmbiance
Itabuna - Bahia - Brasil
1056 textos (71168 leituras)
1 e-livros (90 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/05/21 19:03)
RosaAmbiance