Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

MENINA E MOÇA




Encontrei meu amor a uma esquina,
Outros a circundavam com respeito,
Foi então que a descobri, tão divina,
Espreitando p’la janela do parapeito.

Logo me apaixonei por essa menina,
De cabelo farto, tornando o ar rarefeito,
Quem a olhasse parecia tão pequenina,
De modo a caber dentro do meu peito.

Seu jeito, seu trejeito logo me cativaram,
E umas quantas lágrimas se separam
Dos meus olhos, dolentes e apaixonados.

Quem és tu, menina, que não sei de mim,
Acaso nasceste na beirada de um jardim,
Onde os seres reinantes são nomeados?

Jorge Humberto
29/08/07

Jorge Humberto
Enviado por Jorge Humberto em 01/09/2007
Código do texto: T633819
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Jorge Humberto
Portugal, 51 anos
2622 textos (67242 leituras)
22 áudios (940 audições)
13 e-livros (542 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 14/12/17 09:15)
Jorge Humberto