Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

TEU ERRO



Contei as horas, marquei todos os segundos,
sem lágrimas, dei-te adeus, é a minha decisão.
Nada prometes-te, não me ofertas-te o mundo
em falsas juras qual cínico amante fanfarrão.

Foram todas gentis as palavras por ti proferidas
sem hesitação. Tens no olhar uma doce imposição
evocando loucuras a cometer-se,  todas consentidas.
Qual mulher não cederia a tão hábil sedução?

Vieste como caçador na tocaia de sua presa.
Exímio estrategista no jogo da conquista
tinhas como certa vitória, estava indefesa!

Teu erro crasso foi não ver todas as pistas
ao tomar prudência normal por fraqueza
fez-te perder um grande amor ser egoísta.


Liane Furiatti
Enviado por Liane Furiatti em 04/09/2007
Reeditado em 20/01/2009
Código do texto: T638748
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Sobre a autora
Liane Furiatti
Curitiba - Paraná - Brasil
779 textos (36320 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 12/12/17 03:02)
Liane Furiatti