Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Mar de versos



Encerras na poesia o teu dom,
Com fidalguia ela é teu verdor.
São rosas no teu canteiro de cor;
E nunca, nenhuma delas murchou.



Foste semente do bem e do mal;
E transcendente foste muito além,
Irreverente, afastaste o desdém;
Num mar de versos, fizeste um caudal.



Viçosas, vestiram lindas donzelas.
Passearam nas ruas e vielas…
Sorriram em sonetos sem vintém;



Desfeitos em ventos nas janelas,
Sopravam feito versos p’ra elas,
Cativos do amor, que a poesia tem!



Cecília Rodrigues
Agosto_2007
www.cecypoemas.com




Cecília Rodrigues
Enviado por Cecília Rodrigues em 07/09/2007
Código do texto: T642796
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Cecília Rodrigues
Viseu - Viseu - Portugal
129 textos (5831 leituras)
5 áudios (546 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 16/12/17 00:08)
Cecília Rodrigues