Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

BUCÓLICO





Mansas vão as vacas para o repasto,
Na imensidão dos campos verdejantes,
Leva-as o pastor, até ao dúctil pasto,
Junto às árvores centenárias de antes.

Acompanha-as o fiel cão, agrupando-as,
Se estas vão em desvario pelos montes,
E ao assobio do pastor, chamando-as,
Leva-as para o redil, formando pontes.

É hora da ordenha diária, sistematizada,
Em fila se dispõe num processo fabril,
Jorra o leite para a ânfora estetizada.

Feita a colheita, ordenhadas as vacas,
Fecha-se o celeiro e as portas do redil,
Não vão elas fugir e com elas as patacas.


Jorge Humberto
06/09/07







Jorge Humberto
Enviado por Jorge Humberto em 10/09/2007
Código do texto: T646312
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Jorge Humberto
Portugal, 51 anos
2622 textos (67245 leituras)
22 áudios (940 audições)
13 e-livros (542 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/12/17 18:04)
Jorge Humberto