Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Invasão...

Ontem invadiste meu quarto, sem filtros
Domastes meu corpo nu, em meio aos lençóis
Invadistes a alma, olhando nos olhos tristes
Sem o pudor dos dias, em que te desejo.

Fomos as sombras que se amam nas paredes
Embelezadas e entregues pelo Deus Eros
Na maestria de corpos que se encaixam
Entre coxas, gozos, mãos, bocas e sabores

Te quis mulher em meus braços secos de amor
E tu, fostes a invasão dos meus sonhos confusos
Invadistes o corpo, a alma, e foste como açoite

Com teu amor febril, deixastes marcas no peito
Ao amanhecer, partistes levando tuas promessas
Deixando a saudade ao lado da escrivaninha do quarto.

Edson Junior
07/11/2018
Edson Junior
Enviado por Edson Junior em 07/11/2018
Código do texto: T6496858
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Edson Junior
Recife - Pernambuco - Brasil
234 textos (7068 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 16/10/19 16:11)
Edson Junior