Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

"MANCEBO"

Me deito atento ao sorriso da Fulana
Que exala um doce perfume de flores,
Já tendo bebido dois ou três licores,
Com seus cabelos o meu rosto abana.

Assanhada, ditosa, da vida mundana,
Ela, em carne se entrega sem pudores,
Me oferta os seus recônditos sabores,
Me beija, cochichando uma ária insana.

Eu dentro dela, se decompõe minha voz
E nesta berlaitada lascívia entre nós,
Num vaivém luxurioso que a gente fez...

O meu orgasmo foi mágico, desmedido,
Quente, frio, frenético, gostoso, colorido,
Bom... Foi essa a minha primeira vez.
Jurandir Silva
Enviado por Jurandir Silva em 16/04/2019
Reeditado em 16/04/2019
Código do texto: T6624547
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Jurandir Silva
Gravatá - Pernambuco - Brasil, 55 anos
413 textos (17176 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/04/19 11:42)
Jurandir Silva