Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Como um vulcão

Amando o corpo e venerando a alma,
eu misturei paixão com devoção,
andei ouvindo a voz do coração
e o meu espírito manteve a calma.

O fogo se acendeu no interior
como um vulcão, que explode e lança ao ar
tudo de bom ou ruim que possa dar
ao mundo. E eu pude dar o meu amor.

Nessa visão holística, eu mantive
os pés no chão enquanto viajava
entre as estrelas. Meu amor eu pus

a toda prova, e nunca me abstive
em projetar do meu vulcão a lava,
expondo as trevas e buscando a luz.
Paulo Camelo
Enviado por Paulo Camelo em 02/11/2005
Reeditado em 15/12/2005
Código do texto: T66645
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
Paulo Camelo
Recife - Pernambuco - Brasil, 72 anos
936 textos (291758 leituras)
36 áudios (11211 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 02/12/20 16:13)
Paulo Camelo

Site do Escritor