Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

?

Quem me roubou da vida a alegria,
Os sonhos que sonhei na infância,
O perfume terno de melhor fragrância,
Tudo que consagrei e que virou orgia?

Quem me tirou dos olhos a calmaria,
A paz que o tempo transformou em ânsia,
Meu espírito tosco, seco e sem constância,
E o melhor de mim que vi morrer um dia?

Quem foi meu Caim, meu Herodes,
Tornou meu vinho em água e me quis mudo?
Aproveita, ri de mim enquanto podes...

Pois que tua hora é vinda e teu pecado
É não ter sofrido nesta vida e, por tudo,
Não saber o gosto bom que é ser amado!
marcelo ferraz
Enviado por marcelo ferraz em 28/09/2007
Reeditado em 28/09/2007
Código do texto: T672227

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
marcelo ferraz
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 51 anos
42 textos (734 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/12/17 01:20)
marcelo ferraz