Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

TOCA O SINO A REBATE




Nos deslumbramentos, que esta vida nos traz,
É fácil esquecer ou omitirmos, quem nos rodeia;
De bom juízo – cegos para o mundo – incapaz,
Somos como aquele véu que nos acha e norteia.

Passamos por cima dos outros como acto vulgar;
Não conversamos mais, impondo nossa verdade;
Até que, por fim, inermes, depois de tanto julgar,
Reclamamos dos outros, a falta de solidariedade.

O mundo precisa mais do que nunca de todos nós,
Que sejamos vizinhos, uns dos outros – até ao fim,
Para que não mais, nesta vida, caminhemos a sós.

Basta pôr o orgulho de parte e sermos genuínos,
Recorrer à palavra, que nos diz do não como do sim,
E escutar lá de longe o rústico ribombar de mil sinos.

Jorge Humberto
01/10/07





Jorge Humberto
Enviado por Jorge Humberto em 04/10/2007
Código do texto: T680409
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Jorge Humberto
Portugal, 51 anos
2622 textos (67237 leituras)
22 áudios (940 audições)
13 e-livros (542 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 12/12/17 18:07)
Jorge Humberto