Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O amor de paz

Serenatas de suas vozes anteontem,
O sentido de suas palavras doces,
Mesmo merecendo e se fosses,
E assim o amor e os seu advém.

O amor de paz o amor que repercute,
O amor de uma página semblante,
E correr contra toda a tua a voz lute,
De seguir como fosse um adiante.

Paz de amor com seus adversos,
De paz sincera e seus imersos,
O amor de paz e as suas sutilezas.

Animar-vos como fazes apressam,
O amor de tudo que cambrei as,
Horizontes de suas vozes semeiam.
Gumer Navarro
Enviado por Gumer Navarro em 26/03/2020
Código do texto: T6897767
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
Gumer Navarro
São Paulo - São Paulo - Brasil, 36 anos
3102 textos (11349 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 02/04/20 07:24)
Gumer Navarro