Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

>DECLARAÇÃO DE AMOR*

Há tempos que me embalo neste canto
Como a voz da ave livre que gorjeia
Em cada hino ponho estrelas cintilantes
Acumulando numa caixinha que campeia

Juntando cada estrofe num Pendrive
Como se fosse meu livro preferido
As paginas repassadas são marcadas
Com uma estrela assinando versos lidos

Que o álbum volumoso não se arrisque
Nem esbarrocar de leve meus pensamentos
Nem a criatividade que ativa o momento

Nem tão pouco perder um só momento
Desta chama que ilumina minha tenda
Com luz vibrante mesmo saindo numa fenda

Não delete este amor que é feito em sonhos,
Nem arquive as palavras que eu te falo.
E-mails que eu mandei, foram tristonhos,
Mas se me deletares, eu me calo

E nunca mais farás qualquer download
Das minhas fantasias, dos meus versos.
Matando o nosso amor que jamais pode
Vencer os sentimentos mais diversos

De quem tanto deseja e não promete
Ao navegar abrindo outra janela,
Num movimento audaz joga confete
Ao mesmo tempo em que nada revela.

Somemos nossos sonhos e ganhemos
Os infinitos bens que a vida traz.
Eu quero tão somente céus amenos,
Depois de tanta luta, simples paz.

Sou teu e nada disso mais importa,
Apenas peço amor, que abras a porta...

SOGUEIRA
Marvos Loures
Sonia Nogueira
Enviado por Sonia Nogueira em 13/10/2007
Código do texto: T692811

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre a autora
Sonia Nogueira
Fortaleza - Ceará - Brasil
2369 textos (129095 leituras)
13 e-livros (700 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 15/12/17 10:43)
Sonia Nogueira

Site do Escritor