Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Soneto



Eu sinto enorme prazer
Em cantar o meu sertão
Lugar que me viu crescer
E viver da profissão

Berço do meu coração
Reduto que tem poder
Onde o nobre cidadão
Trabalha para vencer


O sertanejo prudente
Trabalha para ser gente
E destacar seu valor

Deste bonito cenário
O caboclo proletário
É tremendo defensor
Poeta Agostinho
Enviado por Poeta Agostinho em 13/01/2021
Código do texto: T7158926
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre o autor
Poeta Agostinho
Russas - Ceará - Brasil, 66 anos
1422 textos (17531 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/01/21 06:53)
Poeta Agostinho