Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
Cara-metade
 
Minha cara-metade guia meu caminho,
em rotas deixa para trás,
uma saudade perdida, sem escolha,

sem a melancolia juvenil do tempo.
 
Ela busca no doce
desejo da lembrança,
a quietude do coração
demente por querer tão bem a vida. 

Minha cara-metade é sinônimo,
de simplicidade cantada na loucura
do silêncio respeitado na lembrança passada.
 
É hemisfério ardente,
cansado do aquecimento,
enfurecido na louquice da falta de fé e esperança.
TCintra
Enviado por TCintra em 23/02/2021
Código do texto: T7191433
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
TCintra
Valparaíso de Goiás - Goiás - Brasil, 58 anos
374 textos (4096 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/04/21 19:03)
TCintra