Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

MEU AMOR MAIS SINCERO





Meu amor é tão sincero, que chega a doer,
Dói mais na alma, que no corpo já rendido,
Mas mais que dor ainda, ele é puro prazer,
Que faz com que nosso destino seja devido.

Tudo se deu por um acaso já de si evidente,
Pois que estávamos direccionados a sê-lo
Um do outro; certa manhã assim de repente,
O desejo de te ter comigo não pude contê-lo.

Tua palavra sincera e franca logo me cativou,
Nada tínhamos a esconder, chama se avivou,
E nos declarámos um ao outro inocentemente.

Hoje somos felizes em partilhar nosso dia a dia,
D’esperança renovada sempre com mui alegria,
Sabedores que somos de sermos um somente.

Jorge Humberto
18/11/07


Jorge Humberto
Enviado por Jorge Humberto em 20/11/2007
Código do texto: T744876
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Jorge Humberto
Portugal, 51 anos
2622 textos (67235 leituras)
22 áudios (940 audições)
13 e-livros (542 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 12/12/17 15:00)
Jorge Humberto