Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

LUZ DA MANHÃ

A Gioia Junior
Que já atravessou a noite fria.

"O choro pode durar uma noite
Mas a alegria vira pela manhã"  (Sl, 30.5)

Vislumbro no horizonte, no  nascente,
A tênue luz que surge sorrateira
Que em breve há de apagar -Clara e potente,
Ao choro que perdura a noite inteira.

A noite, em maus presságios, agoureira,
Por mais que ainda resista, já pressente
Chegar a sua hora derradeira
Aos ráios desta luz -Manhã iminente.

Manhã muito esperada, desejada
-Esposo que aguardado pela amada
regressa enfim,após cruel demora.

Pois longa é a espera , triste o choro ,mas
Após a noite/açoite -capataz
Virá a alegria, assim que rompa a aurora.
Claudio Camargo Martins
Enviado por Claudio Camargo Martins em 05/12/2007
Reeditado em 05/12/2007
Código do texto: T765622

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Claudio Camargo Martins
São Paulo - São Paulo - Brasil, 66 anos
260 textos (56722 leituras)
2 áudios (431 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/12/17 13:14)
Claudio Camargo Martins