Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Modalidades de Cordel 1

O cordel é uma evolução da da trova feita pelos cantadores europeus. Aqui no Brasil foi criada a sextilha, setilha e décima. Todos esses estilos são feitos em redondilha maior ou versos heptassílabos (7 sons poéticos). O cordel não aceita rima toante e não se tem quantidade de versos para um poema.

EXEMPLO DE SEXTILHA:

"Sofri muito nesta vida
por sentir que a caridade
me deu tchau de despedida,
indo para outra cidade
e deixou meu coração
lamentando, com saudade."

EXEMPLO DE SETILHA:

"O governo bate em nós
tão silenciosamente
que nem vemos no momento
o veneno da serpente
agindo na escuridão,
roubando da nossa mão
nosso pão, infelizmente."

EXEMPLO DE DÉCIMA:

"A Luana, minha amada,
por quem tenho muito afeto
não entende o dialeto
e me diz que não é nada;
ela tem jeito de fada,
carrapicho, companheira,
dá pra mim paixão arteira
com os seus olhos de lua:
há paixão que perpetua
com carinho a vida inteira."

Dentro dessas três formas de se compor cordel há outros estilos, como o mourão, quadrão perguntado etc. Tem também a décima com mote (isso só serve para a décima) e o que se muda são as glosas:

Mote: é o assunto. Geralmente são os dois últimos versos de uma décima ou o último. Contudo, pode-se pôr o mote em outro lugar dentro da estrofe.

Glosa: é os oito versos de uma décima, tirando o mote.

O que não podemos nos esquecer é que o cordel tem uma característica básica: todas as estrofes do mesmo devem ter a mesma forma. Ou seja, se for sextilha, todas as estrofes precisam ser escritas em sextilha; se for escrito em décima todas as estrofes precisam ser décimas.

O que nos é livre no cordel é o tema, porque ele aceita qualquer tema: seja cômico, político, social, romance etc. Também não há quantidade de estrofe. O poeta que decide quantas estrofes o seu cordel terá.

OBS: a sextilha, setilha e décima postadas neste post são de minha autoria e as fiz de sopetão enquanto escrevia só para servir de exemplo.
Cairo Pereira
Enviado por Cairo Pereira em 01/05/2018
Código do texto: T6324418
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Cairo Pereira
Poá - São Paulo - Brasil, 38 anos
699 textos (34463 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 14/12/18 23:50)
Cairo Pereira