Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A beleza.

No descontraido sorriso de uma criança
Ou no revoar de um beija-flor
No simples cultivar da esperança
E em todas as palavras de amor.

No meigo sorriso de uma mulher
E na imponencia da primavera
Ou seja;em que estação estiver
Ela está presente fiél e sincera.

Nas noites de lua clara
E nas manhãs ensolarada
Num passarinho que declara
O romper da madrugada.

Está na cachoeira imponente
Se derramando por entre o rochedo
E na neblina envolvente
Entre raios de sol no arvoredo.

Em uma borboleta colorida
E na lentidão de um caramujo
Em uma estradinha florida
Por onde da solidão eu fujo.

Nas aguas mansas de um rio
E nas ondas agitadas do mar
Nas noites do inverno frio
E no clarão do luar.

Numa gota de orvalho na relva
E na chuva mansa que cai
No ruido peculiar de uma selva
No riacho que em busca do mar se vai.

Em tudo ela se faz presente
Com a sua dócil sutileza
Seja na imensidão de um continente
Ou no total conjunto da natureza.

Num tisiu que pula fazendo festa
E num sabiá com sua realeza
Em tudo com brilho ela se manifesta
Eu estou falando da BELEZA.

Pedro Nogueira
Enviado por Pedro Nogueira em 06/08/2007
Código do texto: T595099
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
Pedro Nogueira
Campinas - São Paulo - Brasil, 67 anos
6223 textos (178467 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/05/21 00:14)
Pedro Nogueira