Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

 


Ranhuras

 

 


 Da fantasia que veste a vida,
 a máscara o humano pegou.
 Camuflado por ela,
 muitas ranhuras no mundo efetuou.


 Trazido pelo tempo
 veio o vento,
 e a máscara levou.
 E como escambo,
 roupas de listras horizontais com número deixou.


E assim, o humano vestido agora vê,
 nas frestas das barras de ferro na vertical,
as ranhuras que fez,
não mais como arte moderna, e sim,
expressionismo contemporâneo de auto mutilação.
    
     Com Autorização do autor : Paulo C Rozeto

Que apesar de ter partido, continua vivo em nossos corações. 
RoseRolim
Enviado por RoseRolim em 23/08/2007
Reeditado em 01/12/2010
Código do texto: T620940

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
RoseRolim
Manaus - Amazonas - Brasil, 71 anos
72 textos (5364 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 12/12/17 23:21)