Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Trovas

Ao saber que ias partir,
O meu chão quase cedeu...
Mas depois fui refletir,
Que grande sorte tive eu!

Percebeste e percebi,
Que podemos ser assim:
Que não sirvo para ti
E não serves para mim.

Não renego ser do mato,
Entre as florestas e as serras,
Se secar o meu regato,
Vou vem busca de outras terras...
Onofre Ferreira do Prado
Enviado por Onofre Ferreira do Prado em 11/01/2019
Reeditado em 12/04/2019
Código do texto: T6548275
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Onofre Ferreira do Prado
Brasília - Distrito Federal - Brasil
506 textos (82222 leituras)
1 áudios (404 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/05/19 21:47)
Onofre Ferreira do Prado