Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

        Quanto aos mortos...




Bem mais vivos no além
 os que nos antecederam
Muitas vezes, bem aquém...
De nós...não esqueceram!


Não nos forçam acreditar
  nem pedem resolução
Todos nós vamos passar
pela "prova do caixão"!

soninha


Menina que coisa é essa
espero que demore
sei que a morte é certa
mas não estou com pressa!

Karlla


Se de nós não esqueceram,
há uma razão no fundo:
É porque nos sucederam
como fantasmas do mundo! 

Recuso-me a aceitar
esta "prova do caixão"
Quando por fim me deitar, 
que se siga a cremação!


Aldo Lopes




Noite de paz para todos.Grata aos petas pelas respostas...PAZ!



Imagem do site google
http://www.revistacaminhoneiro.com.br/revista202_beira.htm

Trovas variantes das postadas na escrivaninha do poeta Aldo Lopes na sua página: Mórbida Inquisição.
Sônia Maria Cidreira de Farias
Enviado por Sônia Maria Cidreira de Farias em 04/11/2007
Reeditado em 06/11/2007
Código do texto: T723526
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Cite o nome do autor e o link para a obra original.). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Sônia Maria Cidreira de Farias
Jequié - Bahia - Brasil
2945 textos (222616 leituras)
1 e-livros (1013 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/17 21:09)
Sônia Maria Cidreira de Farias