Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Eu tenho pena de quem comete injustiça.

Eu tenho piedade de quem faz sofrer.

As pessoas não são coisas, entendam.
 


No mundo globalizado,( para ser atual).

Vivemos e muito desse mal.

As pessoas não pensam em pessoas.
 


Mas que droga, somos humanos.

E como tal,  temos sentimentos.

Porque passam por cima disso.

Levar ao próximo o tormento.
 


Tenho medo de quem esquece a amizade.

E pior, todos nós já passamos por isso.

Em determinado momento fomos assim.
 


Mas não se preocupem, pior é não reconhecer.

E humildemente tentar com isso aprender.

Sinto mesmo por quem comete injustiça.
 


Porque o universo cobra suas dividas.

E dela, mesmo o mais poderoso, não está isento.

E vendo tudo isso acontecer, somente posso dizer.
 

Lamento, e como lamento.
Mario Pereira
Enviado por Mario Pereira em 25/08/2007
Reeditado em 25/08/2007
Código do texto: T623817

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (mario pereira). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Mario Pereira
Campos do Jordão - São Paulo - Brasil, 58 anos
445 textos (35552 leituras)
4 e-livros (145 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 15/12/17 16:21)
Mario Pereira