Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Seja você!

Tente descobrir qual é a diferença,
entre correr como fugitivo,
ou encarar o problema como homem.

Tente decifrar o enígma,
pois a pirâmide tem quatro lados,
e a esfinge se encontra no centro da terra...

Tente derramar uma lágrima,
pois o fogo não nos queima,
e o gelo não congela...

Tente entender que a história,
está escrita nessa estória,
e não se perde na memória...

Tente enxugar nossa chuva,
pois a tempestade é de areia,
tente olhar dentro dela,
tente andar sobre ela,
a vida inteira...

Pois tudo que há,
que existe,
não finge,
ser uma lenda...
ou uma estrela...
ardente...

Tente ser a lua...
vá, somente tente...
não fuja...

Tente ser meu céu,
pois o tempo está fechado,
com dias marcados,
tente ser esse papel...

Tente ver aonde eu vejo,
vá, tente sentir...
voar com meus pensamentos...
que nos disse,
para sorrir.
ele veio até aqui,
só para iluminar,
e disse que não iria mais voltar...

Tente ser suas asas,
pois no voô,
o vento,
o ouro,
o infinito,
é tudo que sinto aqui dentro...


Tente ser a escuridão,
tente ser o meu olhar,
em meio a essa multidão,
venha, vamos todos flutuar...

Formiga
Fourmiga
Enviado por Fourmiga em 30/08/2007
Reeditado em 24/09/2007
Código do texto: T631159

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Fourmiga
Itajaí - Santa Catarina - Brasil, 35 anos
28 textos (1324 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 12/12/17 14:38)
Fourmiga