Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Verdade da Vida

Às vezes em momentos de aflição
Fico apensar o que é certo ou errado
Pessoas vazias e mortas fico a observar.

Às vezes se você olhasse para trás e vice
Que a felicidade esta te chamando
Se você prestasse atenção escutaria a voz da esperança a gritando

Em multidões de seres avarentos observo o caminho de um sonhador
Excluído que se exclui de um mundo controlador
Essa noite sei que mais uma vez dormirei sozinho

Viajantes passeiam por essa vida
Mas eu caminho pelas estradas do destino
Observando uma multidão aonde todos são levados e perdidos

Viver intensamente morrendo gradativamente
Como um copo com água a vida é, mas a vida é a água e não o corpo de pé.
Sigo o caminho do saber, sobre a luz a claridade, eu sou eu.

NÃO SOU UMA MENTIRA, SOU UMA VERDADE!
           
                                    (Tiago André Brêta Izidoro)
Tiago André
Enviado por Tiago André em 01/09/2007
Código do texto: T633875
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Tiago André
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 29 anos
52 textos (2214 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/17 15:10)
Tiago André