Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

sonhos corrompidos

A favela e meu lar
o sofrimento é rotina
a fome é diaria
as condições são precárias

A vida é passageira
A morte nos rodeião
O suor derramadop no chão
Lutou por um pedaço de pão

As estrelas não brilhão mais
A vida não vale mais a pena
O mundo se corrompeu
Por dinheiro nos esqueceu

Amor ao próximo não existe mais
A vida se transforma em ilusão
A vontade de viver some pelos ares
Destruindo diverços lares


silvério
Enviado por silvério em 02/09/2007
Código do texto: T635637
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
silvério
Nova Mutum - Mato Grosso - Brasil
1 textos (34 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/12/17 04:12)