Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

 

Triste poetisa eu sou,
Descrevendo todavia minha dor,
Narrando sentimentos que restou
De um grande e inesquecível amor!

Descrevo minha vida em versos,
Narro em estrofes e rimas diversas,
Mas, humildemente te peço,
Não quero poema em controvérsia.

Se feliz estou, aqui eu vou contar,
Se triste estou, aqui eu vou chorar,
Pois triste de mim, que descrevo o amar,
Sem ninguém para meu amor entregar.

Quantas vezes minhas lágrimas escrevi,
Ao escrever, relembrar do que sofri,
Compartilho com amigos que nunca me viram,
Mas que a mesma dor também sentiram.

Muitas vezes nem sei o que dizer,
Mas vem a dor da solidão,
Necessidade de desabafar, de correr,
Passo para o papel a minha dor em vão.

Triste eu sou, que vivo fantasias,
Na minha fantasia os escrevo,
Finjo sorrisos e alegrias,
Felicidade que tanto almejo.

Ás vezes idealizo vida de alguém,
E descrevo como sendo minha historia,
Mas caio na real, sou ninguém,
Ninguém me guarda na memória.

Estou morrendo aos poucos dentro de mim,
E sobrevivo porque refugio no escrever,
Pois meu versejar nunca vai Ter fim,
Minha dor e lágrimas aqui irão morrer!

E assim vou prosseguindo,
No meu cantinho vou me desnudar,
todavia tudo que vou sentindo,
Aqui eu vou deixar!

Me uno a tua dor e solidão
Somos poetas, descrevemos com maestria e ardor,
Ninguém conhece como nós, o coração,
Lugar de lágrimas e amor!

E se alguém comigo compartilhar,
Da mesma dor e do mesmo sofrer,
Ah! Amigo(a) poeta, nascemos para amar,
Porém este amor, o conhecemos no descrever. 



(Agradeço a visita, deixe teu comentário, ok? Beijos...)
Lamandarino
Enviado por Lamandarino em 05/09/2007
Código do texto: T640303
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Autor(a): Luciana Mandarino). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Lamandarino
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 47 anos
367 textos (24454 leituras)
1 áudios (13 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/12/17 03:35)
Lamandarino