Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Mentiras

Mentiras

Não vês? Mentia eu.
Dizia que amava
Quando o peito vazio
Gélido estava.

Palpitava-me pouco
E não via que mentias?
Quando dizia que anoite sonhava
E aos beijos estremecia!

Então... Ama-me
E diz isto sempre
Aquece teu seio
Que palpita junto ao meu.

E ingênuo
Sonha na penumbra
Com os beijos que estremece
Aos lábios meus,
Lábios que hão de te matar.
R Duccini
Enviado por R Duccini em 06/09/2007
Reeditado em 31/10/2007
Código do texto: T640970

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
R Duccini
Paracambi - Rio de Janeiro - Brasil, 25 anos
352 textos (26077 leituras)
2 e-livros (115 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 14/12/17 08:05)
R Duccini