Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Madrugada Fria.






Nesta madrugada fria,de sorriso
Amarelo, desdenha a falsa timidez
Do orvalho cristal.Na luz da alma
O refugio absoluto triangular das
Calmarias,de falsas bonança.

Rasgo o peito e grito para o eco
Antes de ressonar,as injurias dorsal.
Choro hoje as tristezas de amanha,
Antes de o o sol nascer,para abraçar
O vento do amanhecer.



demetrioluzartes
Enviado por demetrioluzartes em 07/09/2007
Código do texto: T642106

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (demetrio luzart). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
demetrioluzartes
Niterói - Rio de Janeiro - Brasil
981 textos (36648 leituras)
12 áudios (774 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/12/17 03:37)
demetrioluzartes