Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Expressa... É Fooooda!

 

Na força do dito a concebida ordinária

A expressão aviltada da verve literária

Expressada pelos lábios de quem fala

Elucubrar nada erudito se solto na sala.

 

É como sufocar a falência perdulária

Sai como alivio aromando a zedoária

Ao ponto não contido, asfixia e abala

E a brisa diz da saudade que resvala...

 

Como parto gasoso no orifício travado

Ou presidiário encarcerado em sua cela

Ao ver das grades o adeus do libertado.

 

Traz meu riso o sol nascente na janela

Valsando dentes no mote Fooda versado

Sentido atesta o Conde Abate a procela...

 

“A Poetisa dos Ventos”

Deth Haak

Cônsul Poeta Del Mundo

Sociedade dos Poetas Vivos e Afins do RN

AVSPE

 

 Leitura Recomendada " ETERNIZA"

 

 

Deth Haak
Enviado por Deth Haak em 07/09/2007
Reeditado em 08/09/2007
Código do texto: T642610
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Deth Haak
Natal - Rio Grande do Norte - Brasil, 58 anos
547 textos (68540 leituras)
50 áudios (10597 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/17 15:40)
Deth Haak