Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Índio

Índio guapo e macanudo,
Parido e criado em galpão,
Acostumado na lida de campo,
Laçando e marcando o gado,

Pra guerra teve que ir,
Defender a honra da Pampa,
Ao invés do laço sempre a laçar,
A lança e a espada teve que empunhar,

Ao invés de marcar o gado a ferro e fogo,
Era o inimigo que “marcado” padecia na ponta da adaga,
Para garantir a soberania do Rio Grande,
E enobrecer o espírito aguerrido do Gaúcho,

Hoje o índio guapo é só lembrança,
De um tempo glorioso que ainda se carrega na memória,
Que ele deixou como sua nobre herança,
E pelo Rio Grande saiu da vida e entrou para a história.
Daniel Marin RS
Enviado por Daniel Marin RS em 10/09/2007
Reeditado em 10/09/2007
Código do texto: T645997
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Daniel Marin RS
Erechim - Rio Grande do Sul - Brasil
674 textos (71714 leituras)
5 áudios (827 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 12/12/17 04:46)
Daniel Marin RS