Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Independência ou Morte, Morte!

Sob 185 anos de uma falsa independência
Sustenta-se nossa nação
Marcada por uma triste decadência

O Brasil não foi libertado
Pelo contrário,
Seu domínio foi passado...

A denominação de independente foi dada para nos manipular
E fazer-nos crer em algo que não existe
E que pelo jeito talvez nunca exista

O brasileiro é quem se faz dependente
Quando aceita propinas e subornos
Acaba contribuindo com o seu próprio mal

São esses mensalistas, sanguessugas, corruptos...
Homens ricos e poderosos
Porém, estúpidos

São também os próprios brasileiros como eu e você
Que normalmente se corrompem pelo dinheiro
E se vendem por uma quantia ou emprego que alguém os oferecer

Suas matas, sua música, suas tradições
É o que desperta a cobiça dos avarentos e a resistência dos verdadeiros brasileiros
E é também o que desperta orgulho em nossos corações

Por isso é nosso dever honrar nossa bandeira
Passar por cima da matilha
E reerguer a nação brasileira

Portanto, honremos nossa ordem e progresso
Lutemos para melhorar nossa nação
E sair desse retrocesso

Por isso é preciso lutar e não só acreditar na sorte
Assim poderemos deixar de viver nessa mentira
De independência ou morte, não, Morte!

Antônio Drummond de Moraes
Antônio Drummond de Moraes
Enviado por Antônio Drummond de Moraes em 12/09/2007
Código do texto: T649380
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Antônio Drummond de Moraes
Capela - Sergipe - Brasil, 25 anos
33 textos (1026 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 12/12/17 07:09)
Antônio Drummond de Moraes