Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Escultura Viva

A arquitetura do meu ser,
teia de renda esculpida à mão,
sem concreto, madeira ou pedra sabão,
corre nas veias a seiva vermelha, meu ser,
vida, cadência, pura emoção.

Tomo de assalto a consciência,
nascida da terra, do fogo, da água e do ar,
esotérica essência, elementos telúricos,
assim eu sou, pura fusão.

Na arquitetura do meu ser,
ao revelar-me mulher,
recrio metaforicamente em mim,
o poder dos quatro elementos,
lúdica essência, sábia coerência.
Mari Martins
Enviado por Mari Martins em 13/09/2007
Código do texto: T650696

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Mari Martins
São Paulo - São Paulo - Brasil, 49 anos
11 textos (360 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/12/17 09:56)
Mari Martins