Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ENIGMA

Luz perene, alva, complacente
Às vezes, nem tão alva, mas luz
Facho inebriante que seduz
Reluz tal qual estrela guia
Porém se apaga repentinamente.

Lume interminável enquanto dura
Fulgura inefável, pura, serena
Ilumina com tua luz a estrada escura
Limite invisível entre a sanidade e a loucura
Jamais compreendida enquanto se faz plena.

Everton Falcão
Enviado por Everton Falcão em 15/09/2007
Código do texto: T653460
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Everton Falcão
Canoas - Rio Grande do Sul - Brasil, 57 anos
138 textos (8972 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 12/12/17 11:05)
Everton Falcão