Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Apenas um poema

O vento era um violino
roto, sem cordas
tocando melodias amorfas.
Notas românticas
num mundo sem cores

Horizonte abstrato.
Luar soturno, silente
iluminando sonhos profundos
Peças surreais
num teatro invisível

E, afinal de contas,
De onde vem as palavras
os sentimentos, a vida?
De um lugar-nenhum
chamado Arte
Elton Veloso da Silva
Enviado por Elton Veloso da Silva em 15/09/2007
Código do texto: T653759
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Elton Veloso da Silva
Pedreira - São Paulo - Brasil, 31 anos
110 textos (7089 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 16/12/17 17:35)
Elton Veloso da Silva