Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Deslize 180907...

E minhas pétalas só o outono conhecem
desde que, com o inverno você me presenteou...

o caule sangra
com lágrimas a terra rego...
com minha dor vou arando...
 esperança brotando

ervas daninhas o lugar dominando
por espinhos me enveredando...

o passado é muito forte
não há futuro acenando

ao sol nega-se passagem,
cantos embolorando
a cada tentativa de arejar
vendavais dilacerando
a desordem retornando...

quando a verdade só a foice se obtém
a tolerância vai ceifando
conveniente... a quem???

reflexo no espelho estraçalhado
ao te ver decepcionado
por um abraço que pensas que não ganhou...

achas que escondeu?

e o monstro que ainda trago guardado...
viu-se alimentado...
com mais este deslize teu...

era só eu não ter olhado???

e pensar que o verão mora ao lado...
e a primavera me prometeu...
Má Oliveira
Enviado por Má Oliveira em 18/09/2007
Código do texto: T658169
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Má Oliveira
Sorocaba - São Paulo - Brasil, 54 anos
280 textos (15006 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/12/17 14:08)
Má Oliveira