Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Escritos nàgua

Escritos nàgua


 


A poesia tece digressões
Recolhendo os sentimentos
Que bifurcam os encontros
Onde nada é dito e o tudo segue
A ilusão da estrada.


Fluindo na ausência da indiferença
Erguidas por desejos e fantasias
Ao redor dos vultos de tudo que foi um dia.


Ver os versos dessa poesia escritos nàgua
De metade inteira só tristeza
Lembra o ar sombrio
Na decomposição das idéias
E a idade impõe mudanças
Integrantes da mesma face
Que chora o lamento amargo
Pois sabem já meus versos,
Não se pode voltar o dia
Voltar à noite nem tarde algum.
Isto é um fato, escuro e melancólico.


Ice.
   São Paulo. 17/09/07

Jane Krist Coffee
Enviado por Jane Krist Coffee em 19/09/2007
Código do texto: T659313

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Jane Krist Coffee). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Jane Krist Coffee
São Paulo - São Paulo - Brasil
504 textos (69564 leituras)
1 e-livros (1206 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 15/12/17 16:43)
Jane Krist Coffee