Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

GERAÇÃO PERDIDA






Não posso fugir ao que fui nem ao que
Sou; meu passado fala por mim e cala;
Sei que sofri, mas de que me serve se,
Sofrendo, não vivi, enfatizando a fala.

Roxas veias, como varizes, esculpem
Meus braços; muitos foram os danos;
Mas, que posso dizer, me desculpem,
Se eu tinha, somente, catorze anos...

Jorge Humberto
23/09/07
Jorge Humberto
Enviado por Jorge Humberto em 24/09/2007
Código do texto: T666229
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Jorge Humberto
Portugal, 51 anos
2622 textos (67234 leituras)
22 áudios (940 audições)
13 e-livros (542 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/17 15:46)
Jorge Humberto