Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Tempo Inocente


Eu tenho que sair agora ,não consigo ficar parado.
Meu coração abraçou ao fogo, não consigo me saciar.
Olhos brilham queimando em vermelho,
sonhos transitam pela madrugada atravessando em minha cabeça.

Não demore muito, sei que a vida vai passar
Vou voar pelas estrelas esperando-te ao amanhecer.
O absoluto encanta a magia que arde ao calor do sol

Ouço a Chuva que se arrasta devagar
A cidade esparramada em lagrimas
Sou forasteiro de um velho passado
Atraído pela ignorância.

Desatento, tenho fôlego ate cair
Nesta estrada não podemos desistir
Meu relógio dança confuso, escondendo-se
nas profundezas do amor.


O tempo em chamas
 na colina de meus sonhos.
As horas passam nas retinas da imaginação
O futuro me maltrata nas ruínas do medo
Prefiro a luz à escuridão.


rickbec
Enviado por rickbec em 24/09/2007
Reeditado em 25/09/2007
Código do texto: T667004
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
rickbec
Curitiba - Paraná - Brasil, 38 anos
163 textos (11054 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 15/12/17 11:03)
rickbec