Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

CIÚME


Só me faltava mais esta
Pelo primo eu sou maluca
De ciúmes fez uma festa
A dar-me cabo da cuca.
 
Hihihihihihihihihi (cabeça)
 
Tem ciúmes do padeiro
Disse que eu ando com ele
Faço amor o dia inteiro
Deliro com a coisa dele.
 
Para o que estava guardada
Padeiro com baronesa
Eu a senhora prendada
Toda cheia de beleza
 
Só a Caxuxa o aguenta
E isso é problema dela
Se um dia ele a rebenta
Não toca mais na panela
 
Aiiiiiiiii este meu priminho
É um doido e ciumento
Telefonou tão zangadinho
Que berrou feito um jumento
 
hihihihihihihihi  (Burro)
 
Chorou que é um triste corno
Que nunca na vida pensou
Ter na cabeça um adorno
E que sou eu que lho dou
 
Tadinho até me fez pena
Fui ao meu computador
Abri a câmara bem serena
E mostrei-lhe o meu amor
 
Eu nunca fui do padeiro
Embora fique lixada
Porque ela faz um berreiro
Quando está a ser papada
 
Mas podem crer prefiro o dedo
Que levar com aquela coisa
Só de olhar até faz medo
Quando na mão dela poisa
 
Minha Santinha da Agrela
Livrai-me de tentações
Não penso levar com ela
Os sacos parecem melões.
 
O primo está maluquinho
Vem já ao Porto a correr
Aiiiiiiii primo meu priminho
Que vai tudo se esclarecer
Vem minha alma vem
Porque eu preciso e de fod…… conversar hihihihihihi
Vem… meu sacana vem.
 
Quero teu corno em mim
Tu nunca foste um viado
Mas vem ao Porto sim
Porque o Pc está estragado.
 
Será que o gajo vem mesmo? Hihihihihihihihihihi
O que faz um pouco de ciúmes.
Baronesa de Vilalice
(Baroo para os amigos Kiduchos.)
 
http://baronesadevilalice.spaces.live.com/
Baronesa de Vilalice
Enviado por Baronesa de Vilalice em 28/09/2007
Código do texto: T672913
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Baronesa de Vilalice
Portugal, 53 anos
71 textos (8136 leituras)
12 áudios (5770 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/17 12:12)
Baronesa de Vilalice