Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

RASGOU-SE O PEITO

ALMA E CORAÇÃO

Rasgou-se o peito
retirou-se a faca
há tanto tempo
ali cravada.

De modo suspeito
como estivesse fraca
em total destempo
chorou a descravada.

com  desrespeito
As asas saca
sem contratempo
a alma alada.

Rasga o céu satisfeito
o ser pulsante panaca
vôo de passatempo
feito pipa empinada.

a linha se parte e desfeito
o sonho; a realidade  ataca
sem qualquer contratempo
vai ao chão, a alma espalhada.

costura-se o peito
recrava-se a faca
porque sem esse destempo
não sobrevive a encarnada!
                    IMACULADA CATARINA
KYRIADALUA
Enviado por KYRIADALUA em 29/09/2007
Código do texto: T673092

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
KYRIADALUA
Belo Horizonte - Minas Gerais - Brasil
158 textos (62461 leituras)
1 e-livros (25 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 14/12/17 12:00)