Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Desumano

Desumano
maria da graça almeida

Sou o humano com carma,
um desumano com arma.
Na rasura e na pecha,
sou o alvo e sou a flecha.
Sou um braço sem a mão,
embarcação sem timão.
Ressecado, sem cantil,
sou tenente, sou fuzil.

Sou o capitão ferino,
sob as balas do destino.
Louco diabo sem alma
a espalhar medo e trauma.
E sem razão eu odeio
e sem motivo destrato.
Toda guerra é um meio
de provar falta de tato.
 
 
 
 

 


 
 
 



maria da graça almeida
Enviado por maria da graça almeida em 01/10/2007
Código do texto: T675779
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
maria da graça almeida
São Paulo - São Paulo - Brasil
248 textos (15528 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 15/12/17 18:41)
maria da graça almeida