Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
img407/566/asilenciosaorgulhorn3.jpg

Muda confissão!

 

No doce embalar de tua voz

Eu me entrego!

Na pureza de nossos momentos,

Não nego...

É o que tenho de mais sublime!
Do pecado, em pensamento
Me redime!


Real... Virtual...

Irreal... Fantasia!

Feitiço ou magia!?

 

Quando estou só

Eu te peço...

É um embaraço, um nó

Confesso...

Que não sei desatar

Sem tuas mãos presentes

Sem teus lábios ardentes

Querendo me beijar...

Sem o teu corpo

Para me aquecer!

No suplício, minha razão

Começa a fenecer!

 

Em profusão, a vida se esvai.

E, em minha impotência, ela sai

De minhas entranhas

Porque a dor é tão tamanha!

 

Já não tenho Alma...

Perdi meu coração!

Por te amar demais,

Além do que eu queria!

Por te desejar ainda mais

Do que eu poderia!

 

Eu não tenho o domínio

De minhas emoções...

Porquanto privo-me

Na vivência das tentações!

Se desta paixão
A ti não falo.
Eu prefiro o silêncio, então...
Eu me calo!

 

 

img512/9885/barra1gh2.gif

Milla Pereira
Enviado por Milla Pereira em 07/10/2007
Reeditado em 07/10/2007
Código do texto: T684525

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Milla Pereira (http://www.millapereira.prosaeverso.net/)). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Milla Pereira
São Paulo - São Paulo - Brasil
2954 textos (494959 leituras)
42 áudios (7885 audições)
14 e-livros (6401 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/17 23:15)
Milla Pereira