Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
PROFUNDEZAS


Paro no ponto a ponto,
Pronto, preparo ponderações,
Passado, presente - porvir?
Penso... propenso, planos,
Profanos, profundos,
Produzo prantos,
Planto póstumas promessas,
Parlamento pueris palavras,
Pelos poros, pelos pêlos,
Pelas pupilas;
Predicados pousam nos pés,
Procuro-me no próprio prumo,
O pulso pulsa na penumbra em punho,
Perseguem-me as perguntas;
Por que, pra quê, pra quem?
Porém, paira,
O pássaro perdido,
A psique posiciona - pressiona,
Penetra no peito,
Predomina o seu pleito,
A pejo, pelejo, prevejo,
Planejo o pulo perfeito,
Proposto, (pro)fundo do poço.
Pago o preço – pereço?














DELEY
Enviado por DELEY em 09/10/2007
Código do texto: T687769

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
DELEY
Belo Horizonte - Minas Gerais - Brasil
4980 textos (188715 leituras)
4 e-livros (1657 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 16/12/17 07:48)
DELEY