Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

              *** Avêsso do Dia ***

Olho para o calendário,
e reparo na inércia...
Que à ele... O tempo submete!
Perde dia... Após dia,
e nenhuma lágrima verte!
         ***

Com uma certa letargía...
Ponho um dia à mais...
Na minha conta!
Empacoto com cuidado,
dobro do dia... As pontas,
com uma fita... Amarro uns laços,
num arremate caprichado!
Num toque de nostalgía...
Tomara que haja espaços,
Pra guardar... Mais uns mil dias!
           ***
Há aínda... O argumento...
De que a noite... É do dia...
O avêsso!
Igual a um menino travêsso...
Com esperteza experimento,
e quando o dia se finda...
Meus sonhos... Eu arremesso,
desviro e passo pro avêsso,
continuando na berlinda!
          ***
Neste jogo é natural...
Que entre noites e dias...
Direito... Avêsso... Coisa e tal,
Eu não perca... A sintonía...
E viva em Paz... Com meu rival!!
 

( 10/10/2007 )

 

IZA SOSNOWSKI
Enviado por IZA SOSNOWSKI em 10/10/2007
Reeditado em 10/10/2007
Código do texto: T688951

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
IZA SOSNOWSKI
Minas do Leão - Rio Grande do Sul - Brasil
516 textos (19434 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 12/12/17 00:53)
IZA SOSNOWSKI