Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Eu solitário

No barulho do grilo
No chiar da cigarra
No olhar as estrelas
Percebo minha solidão
Recurso clásico dos tímidos
Medo dos cínicos

Um sozinho com letras pra acompanhar
O pensamento que vaga
A procura
De um porto
Onde deixará
A solidão

Mas que não pegará passageiro
Que o deixe vazio
Pois a solidão preenche
Todo o espírito
Mas o vazio oprime
E mata a alma

Ibnéias Costa da Silva, sem data.
Ibnéias Costa da Silva
Enviado por Ibnéias Costa da Silva em 10/10/2007
Reeditado em 31/07/2008
Código do texto: T688997

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, criar obras derivadas, desde que seja dado crédito ao autor original e as obras derivadas sejam compartilhadas pela mesma licença. Você não pode fazer uso comercial desta obra.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Ibnéias Costa da Silva
Felipe Guerra - Rio Grande do Norte - Brasil, 36 anos
96 textos (7798 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/12/17 13:26)
Ibnéias Costa da Silva