Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Pai

                  Pai

Na vida e suas vertentes
Fatos e atos inconsequentes
Sem serem considerados
E até mesmo não notados
Caindo na impunidade
Gerando continuidade

Pequenos delitos gerados
Prejuizos agregados
Sem penalidade dos pais
Um afago e nada mais
Relega ao esquecimento
Tudo certo no momento

Pais, educadores atentos
Participam dos momentos
Onde há felicidade
Onde não existe maldade
Mas, mais atentos devem estar
E nem sempre concordar

O afago e o carinho
Que não faltem no seu ninho
Da familia bem amada
Mas que não falte a palmada
Que educa e corrige
Que do educardor exige

Abençoado ministério
Paternidade sem mistério
É dádiva da Divindade
Exercida com sobriedade
Fazendo do lar um templo
Espargindo bom exemplo

Educando sem exigir
Vendo a vida se esvair
Entregando o cedro dourado
E cumprindo o  combinado
De integrar na sociedade
Um cidadão de verdade
E lá do alto do céu
A vida retira o véu
E a Divina sabedoria
Nos faz lembrar que um dia
Prometemos ao Senhor
Deixar um rastro de Amor


Enio
11/10/2007

Enio Beniamino dos Santos
Enviado por Enio Beniamino dos Santos em 11/10/2007
Código do texto: T690746
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Enio Beniamino dos Santos
São Paulo - São Paulo - Brasil, 69 anos
18 textos (631 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 12/12/17 11:20)
Enio Beniamino dos Santos