Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PARE E PENSE

Amigo, se a mulher amada lhe abandonou,
Se o melhor amigo lhe traiu,
Se as dívidas tiraram-lhe o sono,
Se a sorte lhe é madrasta,
Se a solidão tirou-lhe a alegria de viver...
Não se entregue ao mártirio, à covardia...
A vida é maravilhosa demais para findar
Num simples apertar de gatilho.
Lembre-se das pessoas desenganadas
Que agonizam sobre camas de hospital,
Dos deficiente físicos que precisam de amparo,
Dos descriminados pelo sociedade hipócrita
Que vivem famintos em mocambos,
Dos encarcerados que perderam a liberdade,
Dos analfabetos e desempregados que perambulam
Pelas ruas do comércio sem perspectivas de empregos...
Todos relutam com alegria e coragem pela vida.
Pare e pense.
Você não é um derrotado,
Você é um vencedor.
Pois, dentre milhões de espermatozóides
Na grande corrida pela vida
Você chegou em primeiro lugar.
Por que entregar-se ao suicídio?
Você também é um ser humano
Propenso aos erros e acertos,
Você também merece ser feliz.
Carlos Melgaço
Enviado por Carlos Melgaço em 14/10/2007
Código do texto: T693830

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Carlos Melgaço
Vitória da Conquista - Bahia - Brasil, 60 anos
1152 textos (33857 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 14/12/17 06:40)
Carlos Melgaço