Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SEI LÁ

Vou teclando neste frio computador, sem forma e sem vida palpável.
Vou escrever o que vier na minha cabeça, desrasgar a solidão que me apavora, botar prá fora num improviso sem metrificação, os desejos pulsantes que minh"alma implora.
Aco que é valido escrever sem prejuizo de erros,sem condenação, comece assim escreva o que vier na cabeça, sem medir palavras, só para ver onde vai dar.
Eu, sou assim, um quase louco despejador de palavras acelerando os dedos nas teclas, sem me importar nem com o  que direi no  final desta.
è acho que já acabei   fui....
CARLOS SILVA POETA CANTADOR
Enviado por CARLOS SILVA POETA CANTADOR em 23/10/2007
Código do texto: T706491
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
CARLOS SILVA POETA CANTADOR
Cipó - Bahia - Brasil, 54 anos
182 textos (9561 leituras)
3 áudios (333 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 14/12/17 05:04)
CARLOS SILVA POETA CANTADOR